quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Diário do Pedro _ Em casa

E finalmente vejo meu filho brincando, sorrindo, fazendo arte ( como quebrar a tampinha dos botões da tv ) , chorando pra não sair do banho, brincando com os amiguinhos Thais, Eric e João, e claro fazendo pirraça, batendo pezinho e cantando patati patatá, além de ficar o dia todo assistindo TODOS os desenhos do discovery Kids ...
Mas isso demorou 2 dias.
Após a alta do Pedro, já que a cirurgia foi adiada por falta de vaga no centro cirúrgico, mesmo ele estando já em 13hrs de jejum, meu pequeno chegou em casa muito traumatizado.
Pedro não queria entrar em casa, não queria que fechássemos as portas. Ficava chorando e se tremendo quando alguém chegava perto dele...Eu só pedi sabedoria a Deus pra conseguir lidar com aquela situação, porque sinceramente, eu não sabia.
O Pedro sempre foi um bebê muito carinhoso, sempre gostou de ficar perto das pessoas, vai com todo mundo, nunca foi o tipo de criança de ter medo, as vezes até queria, pois o Pedro é muito corajoso, ele põe a mão na formiga, no cachorro e no cavalo, pra ele não tem diferença no tamanho, ele vai lá e encara. Sei que isso também pode ser perigoso, pois ele não tem noção de perigo. Mas quando ele saiu do hospital, ele estava completamente diferente, mas claramente se via que ele estava traumatizado...e muito.
A semana do Pedro no hospital, foi muito difícil, muito sofrida, ele passou por muitas coisas, e tomou medicamentos extremamente forte!
Eu e meu esposo não sabíamos o que fazer... Pedro estava muito traumatizado, e nem eu, nem meu esposo havíamos passado por situação semelhante. Só podíamos pedir a Deus que nos iluminasse.
Pedro não conseguia dormir, parecia que tinha medo de fechar os olhinhos, num certo momento eu fui tocar no braço dele, e ele começou a chora muito, mas muito mesmo...
Depois de muita oração, Pedro conseguiu dormir.
No dia seguinte ( terça ) Pedro acordou por volta das 10 da manhã , com os mesmos medos, já acordou pedindo pra sair...Parecia que ele sentia falta do hospital... era muito difícil lidar com aquilo, porque eu não sabia o que fazer, tentar mante-lo em casa era pior, ele gritava muito.
Com o Pedro no colo eu orei muito, pedindo a DEus que me ajudasse de alguma forma, me mostrasse o que fazer...e alguns minutos depois, uma terapeuta chamada Glauciê ligou, e ofereceu uma terapia pro Pedro assim que os médicos dele o liberassem, e eu conversei com ela sobre a situação, e ela me ensinou com lidar com isso...
Graças a Deus, eu vi que podia ajudar o meu filho.

Comecei a fazer o que ela me disse, e não sabia o que fazer com as atitudes que o Pedro teve.
Eu comecei a pedir pro Pedro pra que  brincássemos de hospital.
Pra entender os medos, e pra que ele deixasse alguns pra trás.
Peguei algumas seringas, e o Pedro urinou tanto quando viu, que a fralda vazou. Tentei explicar pra ele que não iria acontecer nada, era só brincadeira, mas eu precisava trocar a fralda dele, e tive que fazer isso com ele em pé, porque quando eu peguei ele no colo pra coloca-lo na cama deitado...Meu Deus! Ele começou a gritar achando que alguém iria fura-lo, ou machuca-lo.
E tentei continuar, foi ai que o Pedro pegou a seringa e em vez de fazer em mim, ele esticou os bracinhos e começou a fazer nele...aquilo partiu meu coração.
Demorei mais de 30 minutos pra fazer ele brincar daquele jeito comigo...e ele começou a pressionar a seringa em mim com muita força, ele segurava me braço e apertava com força...Estava mais do que claro do que estava traumatizando ele. Ele não aguentava mais ser furado...

Depois, o Pedro começou a deixar a seringa de lado e pegar os brinquedos dele, num momento de pânico, ele jogou tudo pro lado e começou a chorar de novo, tentei dar banho nele e foi ainda pior quando fui fechar a porta...depois de muita luta Pedro adormeceu...
Um amiga, Gisele, chegou e conversamos muito, pude desabafar um pouco...quando Pedro acordou, ela brincou com ele, e ele já estava bem melhor, mas logo em seguida começou querer sair de casa novamente...e começou a chorar,e tivemos que sair...o Pedro fora de casa logo se acalma.
Assim que a Gisele foi embora, o Pedro começou a chorar pois queria ir com ela, ele não queria entrar, então eu e o papai do Pedro saímos com ele, já passava da 7 da noite.
E o Pedro correu muito, brincou, gritou, fez novos amigos se divertiu muito...e dormiu logo em seguida.
Hoje ele acordou por volta das 8 da manhã...e começou a brincar, não chorou, se alimentou bem, pedia o que queria sem chorar. Tomou banho e só chorou quando eu fechei o chuveiro porque queria mais banho, aprendeu novas palavras, dançou muito, e durante a brincadeira com a seringa...ele fingia que aplicava injeção em todo mundo, no vovô, na vovó, no papai e na mamãe.
Ele está bem melhor...durante toda essa semana eu tenho que aplicar um injeção no Pedro, é um medicamento que ele toma que só pode ser injetavel, e eu faço isso, eu aplico. Isso pra mim é muito difícil, mas o que me surpreende no Pedro, é que mesmo depois de tomar a injeção de verdade, ele pega a seringa dele e faz a mesma coisa na gente, e faz isso sorrindo...

Meu filho me surpreende a cada dia que passa, eu ainda não consigo agradecer a Deus o suficiente por ele ter me dado esse presente...essa jóia tão preciosa.
Quando eu pergunto pro Pedro até onde ele me ama, ele diz: ate teeeuuuu ( ate o céu )...então até onde posso dizer que amo meu filho, porque se o céu é o limite...não tem limite pra expressar o meu amor...

" Filho, você é o que eu tenho de mais precioso, de mais verdadeiro, de mais sincero. Incondicionalmente sempre vou te amar...porque é você que me ensina como ser forte, como ser calma, como ter fé, como acreditar no impossível...é você que me mostra como amar, como esquecer e como perdoar, e você que me mostra que apesar da dor, é alegria que deve permanecer. Que apesar do sofrimento é um sorriso que devo ter e que nada é mais importante no mundo do que ver você sorrir...
Você me mostra que é possível, e que devo deixar tudo pra trás e seguir em frente...a luta continua, mas você só quer sorrir...
Te amo meu filho! "


Abrace seu filho, se declare pra ele...não se importe com a idade, ou se ele vai achar que você está ficando doida...abrace-o, diga o quanto você o ama...Não tenha vergonha de amar seu filho, por mais que ele saiba disso, você vai ver um lindo brilho nos olhos dele quando ouvir isso de você, e isso é sem explicação. Não espere pra depois, faça isso agora, e se vocês estão longe, tente ligar, mas fale isso...e se você não tem seu filho com você, tenha certeza que só em você pensar o quanto o ama, aonde ele estiver, os olhinhos dele também vão brilhar...


Deus está no controle.

6 comentários:

cintia lemos disse...

ola maezinha do pedro tudo bem? acompanho seu blog a varios dias , mas nao tinha postado nada pra vc, talvez por impacto e susto acompanhado de medo, mas tenho a certeza desde de o primeiro post até agora, a vitoria esta bem perto de vcs,continue firme em sua fé, Deus esta ai do seu ladinho, passando isso tudo com vc, e tudo vai da certo, vou ora para o pedro, e muito pra vc , pois vc é um ser humano diferente, tem luz, e Deus da batalhas, e tambem da muitas vitorias, e pode crer, se ele te deu essa batalha vai de dar muitas vitorias....fique em paz, aguarde, confie.....fica com DEus.... aqui esta meu imail e meu msn cintialemos_@hotmail.com

thaisfernandesrc disse...

Pedrinho é muito especial... merece muito carinho, ele é muito forte... tudo isso vai passar.
Abraços.

RADYOLA disse...

A cada dia que passa temos mais apego pelo pedrinho e pela sua maravilhosa família. Deus colocou essa criança no lugar certo, pois tem pais maravilhosos e que a cada dia, a cada minuto, superam barreiras que para qualquer outra pessoa parecem intransponíveis.

Tenho um filho da mesma idade, graças a Deus com saúde. porém a cada novo post, a cada vez que leio, sinto-me um pouco mais próximo da sua dor, da sua luta, mesmo que seja de tão longe fisicamente. Saibam que estarão sempre em minhas orações, pois nosso paizinho do céu encurta distâncias e abre caminhos.

Para mim é uma alegria saber que o pedrinho está num dia melhor. Novas lutas virão, novas barreiras serão impostas e tenho certeza que vocês, unidos como estão, irão passar.

Contem com a oração minha e de minha esposa. Oramos por ele como se fosse nosso. Pois nesse mundo somos todos irmãos e o mínimo que fazemos é nos ajudar, seja em solidariedade, fisicamente ou, simplesmente, em oração!

Toda a energia e luz do mundo! Força pai, força mãe! Vocês merecem!!!!!!

Um grande abraço!
João Soares, Luciana Lopes e banda Radyola
Joaçaba/SC

Gisele, Renan e Henry disse...

Fiquei muito feliz em saber que o Pedr melhorou...
Deus está no controle e não vai deixar desgovernar
esse menino abençoado por Ele!
Pense:
"No fim tudo vai dar certo, se ainda não deu...
é porque não chegou ao fim!"
Bjs

Vivian Camargo disse...

Eu tenho fé que já está dando tudo certo! Eu creio no poder de Deus! Pedrinho ainda terá muita história pra contar... quando crescer será um testemunho vivo do amor de Deus e seu, como mãe, protetora e cobertura sobre a vida dele!!!

Roberta disse...

Querida que lição vc nos dá... que Deus os abençoe sempre... fiquei muito emocionada.... e vou continuar acompanhando e orando por esse anjo beijos