domingo, 2 de outubro de 2011

O nome é Pedro, ninguem vai mudar isso!

Pedro.
Origem do nome: Biblico
Significado do nome: Rochedo, rocha, pedra.



Meu filho é promessa de Deus.
Na vida do Pedro tem um proposito muito maior do que eu posso compreender hoje, como mãe.
E é esse pensamento e essa fé que me mantém de pé.
Sei que ele realmente é uma rocha. Ele é firme, é um guerreiro, é um lutador e já é um vencedor. Porque Deus enviou o Pedro pra ser um milagre vivo na terra, Deus enviou a mim, porque me escolheu para ser responsável por esse anjo. Deus está me capacitando a cada dia pra realizar a missão que Ele me deu. E eu vou fazer isso.
Pedro é meu anjo. As coisas acontecem pra me deixar confusas e me fazer duvidar do poder de Deus nas nossas vidas, mas não vou deixar isso acontecer. Porque Deus tem sido fiel nas nossa vidas.



Essa noite, Pedro fez uma quimio chamada citarabina. Por alguns momentos não parecia o meu pequeno Pedro.
Minutos depois, Pedro começou a chorar, resmungar e chamar mamãe, mas ele já estava no meu colo. Quando eu olhei pro meu filho, as pálpebras dele estavam com hematomas enormes. O Pedro começou a ficar inquieto, chorando, nervoso. Os batimentos acelerados.

Perguntei; Meu Deus oque está acontecendo?

Meu filho é muito levado, mas ele é uma criança, que apesar disso tudo, é calmo. Dorme tranquilo, e de repente, o Pedro mudou completamente, não parecia ele, nem a fisionomia...foi o momento mais estranho e dificil que já passei. Não estava preparada pra isso, nem ao menos me falaram sobre esse tipo de reação, a personalidade do Pedro mudou. A voz, o rostinho...
A dor que eu senti ao ver meu filho desse jeito é inexplicavel, é pior do que todos os procedimentos juntos.
Eu estava vendo o meu filho sumir, ele estava desaparecendo diante dos meu olhos, aquele não era o Pedro.
Ele começou a gritar, a voz dele ficou diferente, começaram a aperecer pintinhas roxas no rosto, além dos hematomas nas pálpebras, o olhinhos dele incharam...Os médicos chegaram e disseram que ele estava bem, que aquilo era apenas uma reação... APENAS?
Não era uma reação, era uma dor, meu filho estava sofrendo, e eu observando a quimioterapia tentando acabar com ele.
O Pedro chorava, sem abrir os olhos...mas quando ele abriu, eu vi meu filho ali, sabia que no meio daquela personalidade diferente, do rosto diferente, e do choro, estava o meu Pedro. Estava a minha rocha.
Comecei a cantar pro Pedro, e no meio da canção com a minha voz tremula, com uma dor imensa, liguei pra casa, pedi consolo ao meu esposo, e consegui me acalamar, meu filho estava ali, estava comigo, estava no meu colo.
Aplicaram um medicamento pra dor, e de repente o Pedro começou a dançar a musica que eu estava cantando...ele apertou meu braço e beijou minha mão...
Esse é o meu filho...que apesar de tantas mudanças, continua sendo o meu bebê...

Eu não posso pensar que um quimioterapia vai afetar a rocha, porque não vai.

Deus está no controle.

9 comentários:

Lau_roots disse...

Tenho acompanhado seus passos. Como mãe, mulher e ser humano voces despertam minha compaixão e se fosse possível eu dividiria seu sofrimento e sentiria por você pra que por poucos momentos sua dor se aliviasse. Como se pudessemos carregar seu fardo por um breve momento enquanto você pudesse tomar um banho, dormir e sonhar que tudo ja passou.
Quando entro no mar pra surfar e vejo no horizonte as ondas se formando, e ainda no meio do caminho, penso que todas vão quebrar sob minha cabeça. E quebram. Me tiram o ar. Rezo pra resistir.
E então elas param, e o mundo se acalma. E tudo faz sentido de novo.
Agarre na sua prancha, abrace se Pedro, cante pra ele. Não tarda o mar se acalma, e o sol vai esrar no horizonte. Sigo acompanhando. Mentalizando coisas boas. Sempre
Laura

Patrícia Fonseca disse...

Olá,Júlia!

Sou de SSA,e estou acompanhando você também pelo Twitter.[@A_Peregrina]
Quero louvar a Deus pela mãe forte e guerreira que ele deu ao Pedro.
Seu Pedro é lindo!
Também tenho um Pedro.
Meu derradeiro filho.
Peralta que só,assim como o seu,que é bem ativo como você descreve.
Oro por vc's,querida!
Deus melhor que ninguém é que sabe nossa dor e pode nos encorajar,consolar e fortalecer.
Um grande abraço e um beijinho na pontinha do nariz do Pedro. *__* ♥

Anônimo disse...

julia,diariamente acompanho seu desabafo sofro em saber do sofrimento da sua família jamais perca a sua fé pois sua vitória é certa,estou orando pelo seu bebê e por toda a sua família para que Deus venha te dá forças para sua batalha para que a honra e glória do nome dele com certeza será a vitória!mandarei alguns brinquedos pelo salatiel esta semana não será muito mas será de bom coração.
edna

Jacqueline Oliveira disse...

Deus é o nosso Rochedo Fiel. Ele te segura pela mão e guia o Pedro por caminhos ainda que dificeis, caminhos de aprendizado, de crescimento de fortalecimento para guerreiros.
Deus tem todo controle em Suas mãos se esconda nele na Torre Forte e creia q a vontade de Deus é soberana, Deus tem vitoria para suas vidas. Amém.

Kamila Marques. disse...

Desde o ventre esse já sabia o que iria enfrentar, tal qual o nome que vc o batizou! Julia, muita força! Nossa, chorei... To sem palavras e o máximo que posso dizer é que eu e minha família estamos orando e fazendo o possível por vcs. Muita luz!

Glaucie Gleyds Nunes disse...

Olá! Quero dizer que Deus está contigo. Li algumas coisas que escreveu e em meio as perguntas você já escreveu a verdadeira resposta. Pedro nasceu para que muitos outros pedros tivessem suas vidas de volta. E isso se dará pela fé, pelo apelo, pela história e testemunho do seu Pedro. Posso dizer que sei o que sentes. Tenho três filhos e cada um teve sua particularidade com doenças e patologias onde o homem dizia não tem jeito. Foi aí, exatamente nesta hora que Deus, o nosso Deus do impossível disse: ainda não é o fim. Confie. Deus está ao seu lado neste momento. Nas horas difícies, frias, escuras e sombrias onde parecer que estás sozinhas, lembre-se de que fez muitos amigos com suas palavras e essa corrente de oração não quebrará. Clame ao Espírito Santo de Deus. Ele te ouvirá. Meu terceiro filho tem anemia falciforme e quando a medula dele ficou preguiçosa e ele sentia muitas dores eu me lembro que nas madrugadas frias eu cantava esse hino (Espírito Santo - Fernanda Brum) e ele se acalmava ele tinha 2 meses. Clama... Clama bem alto que Deus te ouvirá com certeza. Conte comigo em orações e divulgar a campanha. meu nome: Glauciê email: grupoescolhas@grupoescolhas.com.br

Gisele, Renan e Henry disse...

Júlia, continue sendo também uma rocha para o Pedro. Ontem terminou o tríduo (3 dias de orações) na igreja e eu pus o nome do Pedro em orações. Estas rosas que a tia Lia te deram é para pôr perto de onde o Pedro está dormindo. E quando secarem ponha dentro de uma bíblia, sobre uma foto dele... onde quiser!
Continuarei ajudando no que puder.
O bom menino Jesus está com vocês !!!
Beijos

ohanne disse...

Julia venho acompanhando sua batalha pelo twitter,e te admiro muito pela força q vc tem pelo amor que vc sente pelo seu filho,vc é uma guerreira,vc ta lutando bravamente e vc ja venceu essa luta,seu filho vai fikar bem ele vai ser curado,peço a deus todos os dias por isso e ele vai ti dar essa bençao,nao por min e sim por vc pelo pedro pela sua força.continue assim e vc vencerá.

DAIANA disse...

eu tenho doi filhos e imagino o seu sofrimento, e admiro a sua força,nunca esqueça que DEUS esta sempre ao seu lado,segurando firme a sua mão.e te dando força a cada dia.